Ciência da Computação

DIRETRIZES PARA OS AUTORES DA ÁREAS DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

 
LAYOUTS DISPONÍVEIS: WORD  LaTeX
 

A revista FORSCIENCE preza pelo foco na publicação de textos cientificamente relevantes e/ou inéditos na área de CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO apenas na modalidade de artigo científico.

A revista está aberta a diferentes metodologias de pesquisa, desde que sejam relevantes para a área e empregadas de forma rigorosa. As metodologias possíveis incluem análises experimentais, simulações computacionais e proposta de modelos teóricos.

DIRETRIZES PARA PREPARAÇÃO E SUBMISSÃO DO MANUSCRITO

Para submeter um manuscrito para a ForScience, os autores deverão estar ciente de que:

Os trabalhos submetidos à ForScience deverão ser inéditos e/ou cientificamente relevantes.

Todo processo de avaliação dos artigos será limitado à 2 (duas) rodadas de revisões, sendo o artigo rejeitado pelos editores automaticamente caso seja necessária iniciar uma terceira rodada.

Autores devem enviar os seguintes documentos após receberem o parecer editorial “correções obrigatórias requeridas”: i) artigo revisado contendo as alterações realizadas destacadas em amarelo no texto e; ii) carta destinada ao Editor respondendo cada arguição levantada pelos avaliadores. Em caso de não envio dos documentos descritos, o artigo será rejeitado.

Autores têm até 30 (trinta) e 20 (vinte) dias para submeterem a versão revisada após receberem, respectivamente, o 1° (primeiro) e 2° (segundo) parecer editorial: correções obrigatórias requeridas. Em caso de não envio dos documentos, o artigo será rejeitado.

Manuscritos previamente publicados em eventos ou congressos podem ser considerados para apreciação na FORSCIENCE, desde que sejam submetidos como versões estendidas destes textos base. Com o intuito de evitar autoplágio, recomenda-se aos autores diferenciarem, de forma substancial, alguns dos seguintes itens da produção base em relação a versão submetida: figuras de mérito (indicadores quantitativos/qualitativos do objeto de pesquisa), metodologia e resultados. Os autores devem relatar na introdução do manuscrito que trata-se de uma versão estendida de trabalhos previamente publicados (além de referencia-los obrigatoriamente). Caso contrário, o artigo será rejeitado.

Manuscritos originados de recortes de trabalho de conclusão de curso, dissertações de mestrado e/ou teses de doutorado serão considerados para apreciação na FORSCIENCE, desde que o conteúdo textual desses trabalhos base não seja transportado na íntegra para a versão submetida. Além disso, autores devem relatar na introdução do manuscrito que trata-se de um recorte desses textos bases (além de referencia-los obrigatoriamente). Caso contrário, o artigo será rejeitado.

Os artigos não deverão estar em processo de avaliação em nenhum outro veículo de publicação;

O teor dos manuscritos é de inteira responsabilidade dos autores.

Os manuscritos devem ser preparados e submetidos em conformidade com as diretrizes da revista.

O co-editor e editor de área farão uma primeira avaliação, em desk review, com o intuito de analisar se o manuscrito atende às diretrizes exigidas da área de submissão, se foi utilizado o template da revista e se o manuscrito está dentro do escopo da revista.

O manuscrito será avaliado pelo sistema de double blind review e não poderá ter nenhum tipo de identificação dos autores no momento da submissão.

A ForScience aceita manuscritos em Português e Inglês.

O que deve ser submetido:

O manuscrito contendo o Título, Resumo com até 250 (duzentas) palavras, entre 3 (três) e 5 (cinco) palavras chaves, o contéudo textual completo (Introdução, Referencial Teórico, Metodologia, etc ...), figuras, tabelas, quadros e referências.

Documentos suplementares: sugere-se aos autores, caso seja necessário, incluir os seguintes documentos suplementares para a compreensão do trabalho: desenvolvimento de fundamentação matemática, códigos de simulações, dados de equipamentos ou estudos científicos, etc ...

Preparação e Formatação do Manuscrito

O Manuscrito poderá ser escrito em português ou em inglês, e deve seguir as formatações textuais definidas no template/layout da revista.

O artigo deverá ser submetido em arquivo Word ou PDF, contendo, em sua primeira versão, até 12 (doze) páginas, podendo atingir até 16 (dezesseis) em suas versões revisadas (após implementação das sugestões dos avaliadores). 

Em casos excepcionais, artigos com uma quantidade superior à 12 (dozes) páginas em sua primeira versão serão encaminhados para avaliação.

As citações, referências, figuras, tabelas e quadros devem seguir as normas da ABNT, conforme descritas no templat/layout da revista. 

Para garantir o anonimato, não pode haver nenhum tipo de identificação dos autores no manuscrito no momento da submissão.

Sugere-se que trabalhos na modalidade artigos científicos exibam a seguinte estrutura:

  • Título;
  • Resumo;
  • Introdução;
  • Referencial Teórico ou Revisão de Literatura;
  • Metodologia;
  • Resultados e Discussão;
  • Conclusão e;
  • Referências.

A Introdução deve apresentar de forma clara o objetivo do artigo, a importância do trabalho, contextualização, a lacuna de pesquisa que o trabalho preenche em relação à literatura existente, as premissas utilizadas para se realizar o trabalho e as possíveis contribuições teóricas e práticas do trabalho.

O Referencial Teórico ou a Revisão de Literatura podem ser estruturados de forma diferente, dependendo do tipo estudo. Em geral, deve conter uma síntese dos estudos anteriores relacionados ao objeto de pesquisa e/ou a apresentação das teorias que sustentam o estudo. Além disso, essa sessão deve apresentar de forma não delongada o estado da arte o tema pesquisado e estudos recentes alinhados ao objetivo da pesquisa.

A Metodologia deve apresentar o detalhamento dos procedimentos metodológicos e dos métodos utilizados na pesquisa, deixando claro como o estudo foi realizado. As metodologia deve ser detalhadas de forma suficiente para permitir que o estudo seja reproduzido.

Na seção de Resultados e Discussão, os autores devem apresentar os resultados obtidos com a pesquisa, extrair informações importantes e realizar uma discussão sobre o significado desses resultados. É recomendado que os resultados sejam comparados, quando for o caso, com a literatura existente.

Na Conclusão espera-se que os autores enfatizem o significado dos resultados, destacando os principais achados. Além disso, espera-se que as implicações teóricas e práticas dos resultados obtidos sejam apresentadas. Quando for o caso, deve-se destacar o que se espera de pesquisas futuras em relação aos resultados obtidos e as possíveis limitações do estudo.

A ForScience segue as políticas de publicação e ética da COPE (https://publicationethics.org).


Em caso de dúvida, entre em contato com:
Roger Santos Ferreira
E-mail: suporte.forscience@ifmg.edu.br